Início / REAVIVADOS POR SUA PALAVRA - PRIMEIRO DEUS / Reavivados por sua Palavra ARS: Dia 13/03/2019 – Meditando em Números 35

Reavivados por sua Palavra ARS: Dia 13/03/2019 – Meditando em Números 35

image_pdfFazer Downloadimage_printImprimir

 



  • HERANÇA DOS LEVITAS: Os levitas não deveriam receber terras como herança (Dt 18:2), mas precisavam de cidades para morar (Nm 35:2). Assim, foram-lhes reservadas 48 cidades, seis delas, de refúgio.

 

  • CIDADES DE REFÚGIO: Abrigavam pessoas envolvidas em mortes acidentais. Fossem israelitas ou estrangeiros, os ingressantes teriam direito a abrigo e a um julgamento mais neutro.

 

  • HOMICIDAS: O conceito de homicídio se baseava na intenção. Sem intenção, a morte seria considerada um acidente, e o homicida culposo (sem intenção) teria que sair às pressas para a cidade de refúgio mais próxima. Um “assassino” (rotseah) não tinha direito a fiança nem a refúgio; deveria pagar com a própria vida (Nm 35:17).

 

  • VINGADOR DO SANGUE: Papel cumprido pelo parente mais próximo (go’el, do verbo ga’al, “redimir”), o mesmo responsável por resgatar a liberdade de um parente (Lv 24:48, 49), sua viúva (Rt 3:13) ou seu campo (Lv 25:26, 33). Deveria também agir como go’el haddam, literalmente, “redentor [ou resgatador] do sangue”, e matar o assassino de seu parente (Nm 35:21). Não podia atacar a família do assassino, para que os homicídios não se multiplicassem. A lei se devia ao fato de que o sangue profanava e contaminava a terra na qual o Senhor habitava (Nm 35:33, 34).

MEDITANDO EM NÚMEROS 35

1 – As cidades dos levitas – os guardiões da religião – estavam espalhadas entre as demais tribos, para que exercessem uma influência espiritual positiva sobre o povo. O que Deus espera de nós nesse sentido?
________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________2 – A violência atual é muito diferente do que a dos tempos bíblicos? Como devemos reagir a ela? (Rm 12:19-21)
____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

3 – Por que todos, mesmo os “estrangeiros”, os diferentes de nós, merecem um julgamento justo, como era oferecido nas cidades de refúgio?
____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

4 – A imagem de Cristo como nosso redentor é extraída da figura do go’el. Além de nos resgatar com Seu precioso sangue, em que sentidos Cristo age como nosso resgatador e defensor? (Dn 12:1; Gl 3:13)
____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________



sobre Baixoguandu

O Portal Adventista de Baixo Guandu/ES, no dia 18 de Setembro 2014 foi criado com o objetivo de abranger todos os conteúdos da IASD. Informações a todos as programações, materiais e outros conteúdos; Dando-lhe a oportunidade a todos terem acesso pela via online através da internet. Direção: Thiago A. de Oliveira - Baixo Guandu/ES.

Além disso, verifique

Noticias Adventistas: ADRA continua a fornecer assistência em Moçambique, Malawi e Zimbábue – 25/03/2019

Fazer DownloadImprimir  Tão rapidamente quanto veio, o Ciclone Idai passou por Moçambique, Malawi e Zimbábue …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Portal Adventista de Baixo Guandu/ES

Seja Bem-Vindo (a), conheça os conteúdos da Igreja Adventista do Sétimo Dia.

× Fale Conosco!!