Novidades

7me ganha novas funcionalidades e usuários podem fazer grupos de oração online

Novidade expande relacionamento entre pessoas com marco no projeto 10 Dias de Oração. Aplicativo está disponível para os dispositivos com sistemas Android e iOS

O 7me (Seven Me), aplicativo oficial da Igreja Adventista, ganhou uma nova atualização e funcionalidades para todos os seus usuários na América do Sul. A versão 2021 traz áreas para pedidos e criação de grupos de oração, notícias da Igreja Adventista, além de uma destinada a materiais para a comunhão, que inclui a lição da Escola Sabatina, meditação, conteúdos da Casa Publicadora Brasileira (CPB), Rede Novo Tempo e outros links.

Mais leve e intuitivo, o 7me foi totalmente reformulado e agora conta com um novo menu e área de notificações. Logo na área central é possível acompanhar as notícias da denominação em nível local ou nacional. Já na seção Igreja estão disponíveis os horários de culto de sua congregação local, o ambiente para dizimar e ofertar, e o acesso à classe da Escola Sabatina.

Leia também:

No campo seguinte, de Relacionamento, é possível fazer um pedido de oração, orar por uma pessoa, criar uma lista pessoal ou ainda criar um grupo de intercessão. E na parte de Comunhão estão diversos conteúdos voltados ao estudo da Bíblia, meditações diárias, e outros temas.

“Nós queremos tornar o 7me um aplicativo de serviços para os membros, onde ele possa encontrar, em um só lugar, possibilidades de se relacionar com outras pessoas, acesso a materiais para sua comunhão pessoal, ficar informado sobre como a Igreja está trabalhando, e consiga dizimar e ofertar de maneira segura”, detalha o diretor do Instituto Adventista de Tecnologia (Iatec), pastor Eliezer Magalhães. “Repaginamos e expandimos as funcionalidades do aplicativo com o objetivo de torná-lo mais digital e agregador às diferentes faixas etárias.”

Quem utiliza o app há três anos e se empolgou com a novidade foi a jornalista Glória Barreto, que mora em Hortolândia, no interior de São Paulo. “O legal dessa atualização é a gente se conectar com os outros irmãos de fé por meio da oração, porque tanto eu vou poder colocar meu pedido, quanto orar por quem precisa, e isso pode acontecer a qualquer momento, durante meu culto pessoal ou quando eu abro meu celular na fila de banco, por exemplo”, pontua. Para ela, o fato de a pessoa saber que outra está orando por ela fortalece a fé e os laços sociais enquanto comunidade.

Sem perder a essência

Criado em 2018, o aplicativo já oferecia serviços para o fiel ou o amigo da Igreja Adventista poder dizimar e ofertar, e até marcar sua presença na Escola Sabatina.

“Desde que o criamos, ele já passou por diferentes atualizações e melhorias, mas essa com os ícones da comunhão e do relacionamento foi um “plus” para a necessidade que vimos com o aumento de uso em 2020. Antes da pandemia havia aproximadamente 60.300 usuários. Hoje são 170 mil, uma média de 45 mil acessos por mês”, explica o gerente de produtos para a área denominacional do IATec, Tiago Moisés.

O app é seguro e pode ser baixado gratuitamente nas lojas dos sistemas operacionais Android ou iOS. Para aqueles que não são membros batizados da Igreja Adventista, também é possível acessar o sistema: é só fazer um cadastro e criar um usuário.

Jonas Schafer utiliza o 7me desde 2018 e percebeu o quanto ele foi importante quando as igrejas estiveram fechadas em razão da pandemia. “Antes eu até acessava para fazer alguma atualização, mas foi naqueles meses em que os templos estiveram fechados que percebi a importância do aplicativo. Além de me organizar melhor com as finanças, o app foi uma forma de eu não esquecer do meu pacto com Deus, por meio dos dízimos e ofertas. Da palma da mão conseguia fazer tudo e ainda organizar meu orçamento mensal”, sublinha o auxiliar contábil.

“Desde que vim [para os Estados Unidos], queria continuar devolvendo meus dízimos e ofertas na minha igreja de origem, por isso o 7me foi essencial. Agora, daqui dos EUA também vou poder orar e estar em um grupo de oração do Brasil”, reforça a universitária Evellyn Almeida.

De acordo com o pastor Eliezer Magalhães, o aplicativo continuará a receber mais atualizações para oferecer outros serviços aos membros com a intenção de fazer da ferramenta um instrumento para evangelismo. A essência, acentua, é levar a mensagem de salvação para as pessoas.

Veja mais detalhes no vídeo:

Facebook Comments

sobre Portal Adventista Baixo Guandu

Avatar
"É um grande privilégio de elaboração do site PORTAL ADVENTISTA DE BAIXO GUANDU/ES, no dia 18 de Setembro 2014 para a divulgação aqui na cidade local, regional e em todos os Países. Nosso Objetivo é divulgarmos os programas, materiais entre outros que se realizam na Igreja Adventista do Sétimo Dia, em prol do Evangelho Eterno, assim diz o Senhor: “ Breve Jesus Cristo Voltará” Apocalipse 22:1-21. Portanto não será então em benefício próprio, sim a necessidade desse divulgação nessa cidade que todos se entregam sua vida a Jesus Cristo, nosso Salvador. Att: Thiago Amaral de Oliveira - Baixo Guandu/ES."

Além disso, verifique!

Há esperança para quem sofre, aponta líder adventista

Em mensagem, pastor Erton Köhler lembra que é preciso continuar a manter cuidados na pandemia, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + 16 =