Dia 01° A Prioridade N° 1 da Família – 18 de Fevereiro 2021


Dia 1 – A prioridade n° 1 da família

E DEUS DISSE: — FAÇAMOS O SER HUMANO À NOSSA IMAGEM, CONFORME a Nossa semelhança. Tenha ele domínio sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus, sobre os animais domésticos, sobre toda a terra e sobre todos os animais que rastejam pela terra. Assim Deus criou o ser humano à Sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. E Deus os abençoou e lhes disse: — Sejam fecundos, multipliquem-se, encham a terra e sujeitem-na. Tenham domínio sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus e sobre todo animal que rasteja pela terra (Gn 1:26 28).

Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham es que a edificam. Se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela. Será inútil levantar de madrugada, dormir tarde, comer o pão que conseguiram com tanto esforço; aos seus amados Ele o dá enquanto dormem. Herança do SENHOR são os filhos; o fruto do ventre, seu galardão (SI 127:1 3).

Filhos, obedeçam a seus pais no Senhor, pois isto é justo. “Honre o seu pai e à sua mãe”, que é o primeiro mandamento com promessa, “para que tudo corra bem com você, e você tenha uma Ionga vida sobre a terra”. E vocês, pais, não provoquem os seus filhos à ira, mas tratem de criá-Ios na disciplina e na admoestação do Senhor (Ef 61-4).

E tudo o que fizerem, seja em palavra, seja em ação, façam em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai. Esposas, que cada uma de vocês se sujeite a seu próprio marido, como convêm no Senhor. Maridos, que cada um de vocês ame a sua esposa e não a trate com amargura (Cl 3:17-19).

O plano original

Deus criou o ser humano para Sua própria glória, para que depois de testada e provada, a família humana pudesse se tornar uma com a família celestial. Era o propósito de Deus repovoar o Céu com a familla humana (Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, v. 1, p. 1190).

Deus pretende que as famílias da Terra sejam um símbolo da família do Céu. Os Iares cristãos, estabelecidos e mantidos de conformidade com o plano de Deus, contam-se entre as Suas instrumentalidades mais eficientes para a formação do caráter cnstão e para o avançamento de Sua Obra (Testemunhos Seletos, v. 3, p. 63, 64).

No plano divino de educação, adaptado às condições do ser humano após a queda, Cristo ocupa o lugar de representante do Pai, como o elo entre Deus e o ser humano. Ele é o grande educador da humanidade e ordenou que homens e mulheres fossem Seus representantes. A família era a escola, e os pais eram os professores (Educação, p. 22 [33]).

Anjos visitam os lares

Os anjos de Deus visitarão com frequência o lar em que a vontade de Deus domina. Sob o poder da graça divina, esse lar se torna um lugar de refrigério para os peregrinos abatidos e cansados. Mediante o domínio próprio vigilante, impede-se que o eu se afirme. Formam-se hábitos corretos. Há cuidadoso reconhecimento dos direitos do outro. A fé que atua pelo amor e purifica a mente serve de leme, presidindo a toda a família (E Recebereis Poder, p. 141).

Os anjos de Deus, que ministram em favor dos que serão herdeiros da salvação, ajudarão vocês a tornar sua família um modelo da família celestial (Orientação da Criança, p. 382 [549]).

Poder para transformar o mundo

A juventude e a infância de hoje determinam o futuro da sociedade, e o que esses jovens e essas crianças vão ser depende do lar. A falta de boa educação em casa pode ser responsabillzada pela maior parte das enfermidades, de miséria e criminalidade que a humanidade sofre. Se a vida doméstica fosse pura e verdadeira, se os filhos que saem do Iar estivessem devidamente preparados para enfrentar as responsabilidades da vida e seus perigos, que transformação o mundo experimentaria! (A Ciência do Bom Viver, p. 351).

Assim como Abraão, os pais devem de modo especial ver a si mesmos como instrumentos de Deus para instruir seus filhos a guardar o caminho do Senhor. Precisam buscar as Escrituras com diligência, a fim de saberem qual é o caminho do Senhor, para que possam ensinar a sua casa, Miqueias disse: “O que o SENHOR pede de você? Que pratique a justiça, ame a misericórdia e ande humildemente com o seu Deus” (Mq 6:8). Para serem educadores, os pais devem ser discípulos, constantemente recebendo luz dos oráculos de Deus. levando essa preciosa luz por preceito e exemplo à educação de seus filhos (O Lar Adventista, p.146, 147 [134]).

Ensinar por preceito e exemplo

Os pais devem demorar-se mais no Iar. Por preceito e exemplo devem ensinar os filhos a amar e temer a Deus; devem ensinar-lhes a ser compreensivos, sociáveis, afetivos; a cultivar hábitos de trabalho, de economia e abnegação. Dando aos filhos amor, simpatia e encorajamento no Iar, os pais podem prover-Ihes um seguro e aprazível refúgio contra muitas tentações do mundo (Fundamentos da Educação Cristã, p. 65). Pela luz que Deus me tem dado, sei que o esposo e a esposa devem ser no Iar sacerdotes, médicos, enfermeiros e mestres, unindo os filhos a si mesmos e a Deus, educando-os para que deixem cada hábito que de alguma maneira prejudique a obra de Deus no corpo, e ensinando-os a cuidar de cada parte do organismo (O Lar Adventista, p, 147 [184]).

Se você deve ser a luz do mundo, essa é a luz que deve brilhar em seu Iar. Aqui deve exemplificar as graças cristãs, ser amável, paciente, bondoso e firme. Necessita buscar constantemente a mais elevada cultura da mente e do caráter. Como urn humilde filho de Deus, aprenda na escola de Cristo; busque constantemente desenvolver suas habilidades, procedendo da rnaneira mais perfeita, nas ações no lar, tanto por preceito como por exemplo. Deixe que a luz da graça celestial irradie seu caráter, que deve ser a luz do sol no lar (Review and Herald, 15 de setembro de 1891),

O grande movirnento de reforma deve começar com a apresentação dos princípios da lei de Deus aos pais, mães e filhos (Testemunhas Para a Igreja, v. 6, p. 119).

Atitudes no lar cristão

Os que estimam o Espírito de Cristo manifestarão polidez no lar, urn espírito de bondade mesmo nas pequenas coisas (O Lar Adventista, p. 349 [423]).

Mesmo que seja simples, o lar pode sempre ser um lugar em que sejam ditas palavras alegres e sejam praticados atos de bondade, onde a cortesia e o amor sejam hóspedes constantes (O Lar Adventlsla, p. 14 [18]).

Pais, Deus deseja que vocês tornem sua família uma amostra da família do Céu. Guardem seus filhos. Sejam bons e ternos para com eles, Pai, mãe e filhos devem estar unidos pelos elos dourados do amor. Uma família bem ordenada e bem disciplinada é um poder maior para demonstrar a eficiência do cristianismo do que todos os sermões do mundo. Quando pais a mães compreenderem como seus filhos os imitam, vigiarão cuidadosamente toda palavra e todo gesto (Comentário Bíblico Adventista do Sétlrno Dia.v. 6, p. 1248).

A influência doméstica

A felicidade de homens e de mulheres e o êxito da igreja dependem, em grande parte, da influência doméstica. Interesses eternos estão envolvidos no necessário desempenho dos deveres diários da vida. O mundo não precisa tanto de mentes brilhantes como de homens bons, que sejam uma bênção na própria família (Obreiros Evangélicos, p 204)

O andar de Enoque com Deus não ocorreu em arrebatamemo de sentidos ou visão, mas em todos os deveres da vida diária. Não se tornou um eremita, excluindo-se inteiramente do mundo, pois tinha uma obra a fazer para Deus no mundo. Na família e em suas relações corn as pessoas, como esposo, pai, amigo e cudadão, foi ele um servo do Senhor, constante e inabalável (Vidas que Falam, p 23).

Paz no lar e na igreja

Haja paz no lar, e haverá paz na igreja. Essa preciosa experiência levada para a igreja será um meio de criar bondoso afeto de uns para com os outros. As brigas acabarão. Será vista a verdadeira cortesia cristã entre os membros da igreja. O mundo conhecerá que eles têm estado com Jesus e que Dele têm aprendido. “Que impressão exerceria a igreja sobre o rnunda se todos os membros vivessem a vida cristã?” (Orientação da Criança, p. 382 [549]).

Introduzam a verdade em seus Iares, para santificá-los e purificá-los. Não a mantenham no pátio exterior. Muitos que se dizem cristãos são cegos a seus próprios interesses! Deixam de ver completamente o que Cristo faria por eles, caso fosse admitido em seus lares! Esforcem-se os cristãos tão diligentemente por obter a coroa da vida como as pessoas mundanas se esforçam por obter vantagens terrenas, e a igreja de Deus certamente avançará com poder (E Recebereis Poder, p. 141).

Motivo de oração

1. Reavivamemo espiritual de sua familia.

2. Para que Deus prepare sua família para os momentos de jejum e oração do próximo sábado.

Atividade missionária

Escolha cinco familiares que ainda não tomaram a decisão de entregar a vida a Cristo ou que esiejam afastados da igleja e comece a orar par eles.

Facebook Comments Box

sobre Portal Adventista Baixo Guandu

Avatar
"É um grande privilégio de elaboração do site PORTAL ADVENTISTA DE BAIXO GUANDU/ES, no dia 18 de Setembro 2014 para a divulgação aqui na cidade local, regional e em todos os Países. Nosso Objetivo é divulgarmos os programas, materiais entre outros que se realizam na Igreja Adventista do Sétimo Dia, em prol do Evangelho Eterno, assim diz o Senhor: “ Breve Jesus Cristo Voltará” Apocalipse 22:1-21. Portanto não será então em benefício próprio, sim a necessidade desse divulgação nessa cidade que todos se entregam sua vida a Jesus Cristo, nosso Salvador. Att: Thiago Amaral de Oliveira - Baixo Guandu/ES."

Além disso, verifique!

Tema 10: A Esperança para a Família

  Texto: “Procura conhecer o estado das tuas ovelhas e cuida dos teus rebanhos, porque …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − 7 =

×

Sejam Bem-Vindos!

Sejam Bem Vindos ao Nosso Portal Adventista de Baixo Guandu/ES. Estamos a Disposição 24 Horas.

× Fale Conosco 24 horas!