Dia 6: Meditações + Perguntas interativas | Semana Santa 2020

Arquivo compactado em formato PDF das meditações diárias + perguntas interativas do sexto dia (9 de abril) de Semana Santa 2020.

FAZER DOWNLOAD AQUI


MEDITAÇÃO EM TEXTO

CRISTO, NOSSO ADVOGADO – 09 DE ABRIL 2020

Filhinhos meus, estas coisas vos escrevo para que não pequeis. Se, todavia, alguém pecar, temos advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo. 1 João 2:1 O santuário terrestre e o santuário celestial relacionam-se de duas formas: (1) estruturalmente e (2) funcionalmente. A estrutura de dois compartimentos do santuário terrestre aponta não somente para um santuário celestial com duas partes (santo e santíssimo) mas também para o ministério de Cristo em duas fases, como sacerdote e sumo sacerdote (ver Ap 1:12-16; 8:3-5; 11:19), assim como acontecia aqui no santuário terrestre. O ritual diário do sacerdote no santuário terrestre incluía muitos serviços que só poderiam ser feitos por ele. O recinto do templo, desde o romper da aurora até as portas serem fechadas à noite, era um lugar muito atarefado. Uma das principais verdades ensinada pelo ministério do sacerdote no santuário terrestre era que o pecador não tinha acesso a Deus e, para obtenção de perdão e salvação, precisava de um mediador. Assim, somente por meio do nosso sacerdote, Cristo Jesus, podemos hoje ter acesso a Deus. Cristo nos proveu expiação, por meio de Seu sangue derramado (oferta); intercessão, mediante Seu ministério sacerdotal junto ao Pai (sacerdote); vida física e espiritual, pois Ele é o pão da vida (pães da proposição); e luz, pois Ele é a luz do mundo (sete lâmpadas do castiçal). A última festa da primavera celebrada em Israel era a festa do Pentecostes (Dt 16:9, 10). Era chamada festa do Pentecostes porque acontecia 50 dias depois da festa das Primícias. O cumprimento tipológico da festa do Pentecostes se cumpriu exatamente cinquenta dias após a ressurreição de Cristo. Os 3.000 que naquele dia foram batizados podem ser considerados os primeiros frutos da obra do Evangelho, posto que a festa do Pentecostes também era chamada festa da Colheita (Êx 23:16). Mas a festa do Pentecostes tem outro significado ainda mais belo. Ela representa o momento da entronização de Cristo como sacerdote no santuário celestial (Jo 7:39). Quando os apóstolos receberam o Espírito Santo, foi provavelmente o momento em que Cristo estava sendo ungido para começar Sua função de sacerdote no santuário no Céu (ver At 2:14, 15). Na cruz, Jesus efetuou completa expiação em favor do pecador. Seu sacrifício nos garante o direito à vida eterna. Porém, é mediante Seu ministério sacerdotal, no santuário celestial, que esse sacrifício expiatório é aplicado a todo o que nEle crê. Um mediador entre Deus e o homem (1Tm 2:5, 6) Paulo ensina que apenas Cristo é mediador entre Deus e o homem, pois Ele é plenamente Deus e plenamente homem. Contrariamente aos sacrifícios de animais, o sacrifício de Jesus foi perfeito e realizado “uma vez por todas” (Hb 7:27). Uma obra especial (1Jo 2:1) Como após a morte do animal o sangue deveria ir para o santuário, após aceitar o sacrifício da cruz, precisamos ir até o santuário, onde Jesus apresenta Seu sangue em nosso favor. Isso nos ensina que, mesmo após termos aceitado a morte de Cristo no calvário, precisamos que Ele faça aplicação de Seu sangue em nosso favor, no santuário. Isso provisiona perdão diário e ajuda o crente em sua santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor (Hb 12:14). Hoje precisamos nos aproximar de Cristo com fé, mediante oração e confissão dos pecados para recebermos Seu perdão (1Jo 1:9). Ele é o único capaz de auxiliar em nossas fraquezas (Hb 4:14-16; 1Co 10:13), pois experimentou nossas dores e tentações, mas não pecou. Ele é nosso Advogado junto ao Pai. Lancemos sobre Jesus agora nossos pecados e cargas, porque Ele cuida de nós (Mt 11:28-30; 1Pe 5:7).

Facebook Comments

sobre baixoguandu

É um grande privilégio de elaboração do site PORTAL ADVENTISTA DE BAIXO GUANDU/ES, no dia 18 de Setembro 2014 para a divulgação aqui na cidade local, regional e em todos os Países. Nosso Objetivo é divulgarmos os programas, materiais entre outros que se realizam na Igreja Adventista do Sétimo Dia, em prol do Evangelho Eterno, assim diz o Senhor: “ Breve Jesus Cristo Voltará” Apocalipse 22:1-21. Portanto não será então em benefício próprio, sim a necessidade desse divulgação nessa cidade que todos se entregam sua vida a Jesus Cristo, nosso Salvador. Att: Thiago Amaral de Oliveira - Baixo Guandu/ES.

Além disso, verifique!

Semana Santa | Dia 7 – Tema: Cristo, nosso juiz

Sabendo o tempo solene em que vivemos, que tipo de mudanças você gostaria que Deus …

×

Portal Adventista de Baixo Guandu/ES

Seja Bem-Vindos (as) ao Portal Adventista de Baixo Guandu/ES. Conheça os Materiais e Conteúdos da Igreja Local e Mundial.

× Atendimento Online!